Imagem:

Como testamos os nossos produtos?

Em 2020, vamos celebrar 20 anos sem testes em animais. Mas como garantimos que os nossos produtos são totalmente seguros para as pessoas? Descubra neste vídeo os principais métodos alternativos que aplicamos em nosso Centro de Pesquisa & Desenvolvimento.




 





Matérias-primas
Todos os nossos produtos* atendem às normas de segurança brasileiras e também as dos outros 15 países em que estamos presentes, como Estados Unidos e Portugal. Mesmo assim, todos os anos nós buscamos e incorporamos matérias-primas que sejam ainda mais seguras para quem as produz, quem as consome e para o meio ambiente. Isso também inclui a substituição de matérias-primas que, apesar de seguras, acabam virando alvo de rumores e preocupando consumidores desnecessariamente.

​Matérias-primas que não usamos mais:

4-Methylbenzylidene Camphor

Benzophenone-1

Benzophenone-3

DMDM hydantoin ‎

Formaldehyde

Imidazolidinyl urea 

Polyethylene (microesferas)

Polyethylene Terephthalate (produtos enxaguáveis)

Toluene

Triclosan



Matérias-primas em substituição:
Benzophenone-2 e 4 

1. Pra que serve?
Funcionam como filtros que protegem a pele ou as próprias características dos produtos (como a coloração, por exemplo) contra os efeitos prejudiciais dos raios UV.

2. Porque está em substituição?
Alguns estudos recentes, mas que não foram endossados pela comunidade científica, apontaram as Benzofenonas como prejudiciais ao ambiente marinho e ao público infantil. Por isso, apesar das Benzofenonas serem comprovadamente seguras, elas passaram a ser alvos de rumores e hoje preocupam os consumidores.
O Grupo Boticário nunca utilizou Benzofenonas como fator de proteção da pele, e agora está substituindo o uso como fator de proteção do produto, mesmo que a concentração neste caso seja baixa e não apresente risco.

3. Quando será substituído?
Trabalhamos para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha Benzofenonas a partir de 2022..
Ftalatos - Dietilftalato  

1. Pra que serve?

Os ftalatos são uma família de compostos utilizados para diversas finalidades e por vários setores da indústria.
O dietilftalato é utilizado em baixas concentrações na indústria de cosméticos como solubilizante de fragrâncias, agente amargante e denaturante de álcool.


2. Porque está em substituição?
Alguns tipos de ftalatos são acusados de causar danos à saúde humana. O dietilftalato, no entanto, não apresenta qualquer ação tóxica quando usado em baixas concentrações na indústria de cosméticos. 
Mas como ele pode ser confundido pelos consumidores com os outros tipos de ftalatos e causar preocupação, decidimos eliminar dietilftalato de novos lançamentos.

3. Quando será substituído?
Trabalhamos para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha Parabenos já em 2022.

 
Dietilftalato

1. Pra que serve?
São conservantes usados em produtos alimentícios, farmacêuticos e cosméticos para evitar a ação de microrganismos, como fungos e bactérias.

2. Porque está em substituição?
Existem diferentes tipos de parabenos. 
Os parabenos utilizados na indústria de cosméticos possuem baixa toxicidade e um histórico de uso e segurança comprovado com consenso pela comunidade científica. No entanto, outros tipos de parabenos vem sendo questionados nos últimos anos sobre possíveis prejuízos à saúde. Por isso, mesmo os parabenos comprovadamente seguros passaram a ser alvos de rumores e hoje preocupam os consumidores.

3. Quando será substituído?
Trabalhamos para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha Parabenos já em 2020.


PVC

1. Pra que serve?
O PVC (policloreto de vinila) é um material de embalagem termoplástico geralmente empregado em diversas industrias como alimentos, utilidades domésticas, brinquedos e cosméticos.

2. Porque está em substituição?
O processo de produção e descarte de PVC são considerados perigosos para saúde ocupacional e meio ambiente, devido a presença de alguns aditivos controversos na composição do material.

3. Quando será substituído?
Trabalhamos para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha PVC a partir de 2020.


Polyethylene Terephthalate (Glitter Plástico)

1. Pra que serve? 
O Polyethylene Terephthalate (PET) é utilizado como agente de brilho (glitter), principalmente em itens de maquiagem.

2. Porque está em substituição? 
O PET não é biodegradável e, quando em formato de glitter, é considerado um microplástico. Essas pequenas partículas plásticas são potencialmente toxicas para a vida marinha. Em 2016 o Grupo Boticário assumiu o compromisso de eliminar microesferas de polietileno de seus produtos enxaguáveis – atualmente todos esses produtos já são feitos com o Ecoglitter, uma alternativa biodegradável ao glitter de plástico.

3. Quando será substituído? 
Apenas alguns itens não enxaguáveis ainda possuem glitter plástico, mas trabalhamos para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha glitter plástico já em 2020.



Silicone D4 ciclotetrassiloxano (Octamethylcyclotetrasiloxane )


1. Pra que serve?
Os silicones do tipo siloxano são utilizados para conferir propriedades sensoriais e lubrificantes em produtos para pele e cabelo.
2. Porque está em substituição?
Os silicones D4 foi considerado pelas autoridades europeias como suspeito por apresentar riscos à saúde humana. 
O Grupo Boticário não utiliza essa substância de forma intencionalmente adicionada em produto e sim como subproduto de matérias primas como o D5. Ele não apresenta risco para os consumidores dessa forma, mas mesmo assim decidimos eliminar esse ingrediente.


3. Quando será substituído?
Trabalhamos  para que nenhum produto produzido pelo Grupo Boticário tenha ciclotetrassiloxano (D4) a partir de 2020.


Silicone D5 ciclopentasiloxano (Decamethylcyclopebtasiloxane) 

1. Pra que serve?
Os silicones do tipo siloxano são utilizados para conferir propriedades sensoriais e lubrificantes em produtos para pele e cabelo.

2. Porque está em substituição?
O silicone D5 foi considerado pelas autoridades europeias suspeito por se acumular no meio aquático.
Com base nisso, algumas autoridades internacionais estão restringindo o uso desse silicone em produtos cosméticos enxaguáveis.

3. Quando será substituído?
Trabalhamos para que nenhum produto enxaguável produzido pelo Grupo Boticário tenha ciclopentasiloxano D5 a partir de 2021.

*
O prazo de substituição de matérias-primas controversas é válido para todos os produtos produzidos pelo Grupo Boticário, exceto recentes incorporações (Vult) que estão sendo trabalhadas com prazos exclusivos”